Notícias

Presidente da Cohab-Campinas recebe comissão de moradores da região do Córrego Taubaté

Edison Souza
04/04/2012

 

O presidente da Companhia de Habitação Popular de Campinas (Cohab-Campinas), Clélio Leme recebeu, no final da tarde desta terça-feira, 03 de abril, uma comissão de moradores da região do Córrego Taubaté (Região Sul da cidade), entre a ponte do Felipão e o Jardim das Bandeiras dentro do PAC Taubaté.

Acompanhados do vereador Jairson dos Anjos (Canário), os moradores queriam uma definição quanto à situação deles, uma vez que foram comunicados de que todas as pessoas que moram em áreas de risco em Campinas, terão de deixar o local onde vivem.

Durante o encontro os moradores foram alertados pela diretora da Secretaria de Habitação, Simone Souza Nicoliello Pena, de que o crescimento de uma cidade deve ser planejado e que nenhum terreno pode ser ocupado assim, de qualquer jeito e que é necessário haver um planejamento, um projeto de ocupação de uma área. Simone ainda destaca que as pessoas que quiserem obter moradia em Campinas precisam estar integradas a um projeto do Governo Federal: “Para que uma família seja beneficiada pelo Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV) é necessário, primeiro que a renda da família seja de até três salários mínimos (R$ 1600) e segundo, que a família tenha um cadastro atualizado na Cohab-Campinas, e estes são apenas dois dos critérios estabelecidos”, completa.

O presidente da Cohab-Campinas, Clélio Leme, confirmou o propósito da atual administração que é o de retirar todas as famílias que vivem em ares de risco na cidade. “Nossa meta é atender a população de baixa renda com unidades habitacionais do PMCMV e estamos trabalhando para isso. Já está aprovada para Campinas a construção de 7.430 unidades habitacionais e pretendemos entregar 5.100 até o final deste ano”, completou Leme.

Ao final da reunião o vereador Canário, que representou os moradores, disse que as pessoas foram tranqüilizadas e que ficaram contentes com o encontro. “Na verdade, os moradores estavam apavorados e achando que teriam de sair das casas imediatamente, mas não é assim. Eles terão de sair, obviamente, mas até lá haverá outras reuniões, outros encontros e reavaliações, sempre com o objetivo de atender à população de baixa renda”, completou.

No local vivem aproximadamente 1.600 famílias que estão sendo alvo de estudos dentro do Projeto PAC Taubaté, adotado em setembro de 2010, pelo Ministério das Cidades como modelo pelo grau de detalhamento das plantas e orçamentos, que contemplam custos desde materiais hidráulicos até de infraestrutura.

localização da cohab campinas
webmail cohab campinas
Horário de atendimento ao público de segunda a sexta-feira:

SERVIÇOS DE COBRANÇA - (CCOB) - 08:00 às 16:30h

ORIENTAÇÕES LIQUIDAÇÕES E FUNDOS - (CLFU)- 08:00 às 16:00h

ORIENTAÇÃO REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA - (CSOC) - 08:00 às 14:00h

ORIENTAÇÕES (TRANSFERÊNCIA E COMERCIALIZAÇÃO) CADASTRO E ATUALIZAÇÃO - (CCOM e CSOC) - 08:00 às 16:00h

SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO CIDADÃO - (SIC) - TRIAGEM E INFORMAÇÕES GERAIS - ORIENTAÇÕES FUNDAP/SEHAB - 08:00 às 16:30h


Clicando aqui você terá informações detalhadas a respeito de todos atendimentos realizados pela Cohab.

Atendimento Web
Ouvidoria Cohab Campinas
Informações sobre concurso público
Portal da transparência
Acervo cultural
Acervo cultural