Notícias

Ocupantes do Shalon 3 apresentam nova demanda habitacional para a área

Rita Hennies

Famílias do Parque Shalon 3 se antecipam à atualização do cadastro para moradias populares, acordada entre o grupo e a Secretaria de Habitação (Sehab) no final de dezembro, e entregam nova demanda habitacional no segundo encontro com o secretário de Habitação, Clélio Leme, e técnicos do setor. A reunião foi realizada na última terça-feira, 3 de janeiro, na paróquia local.

Da lista inicial de cerca de 400 famílias, apresentada pelos ocupantes na primeira reunião, dia 28 de dezembro, o número baixou para 182 famílias que solicitam encaminhamento no programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV). Essa baixa se deve às remoções de 60 famílias da área, que ocorreram entre 2009 e 2011 durante trabalhos da Operação Verão, e, segundo os próprios ocupantes, ao fato de muitos já terem deixado a ocupação e se mudado para outros municípios.

A ocupação irregular está localizada no limite entre Campinas e Hortolândia, entre a Rodovia Campinas-Monte Mor e a linha férrea administrada pela América Latina Logística (ALL). A área não é passível de regularização, por conta do alto risco decorrente da proximidade das moradias com a linha férrea.

Na noite de 27 de dezembro, a partir de informações desencontradas sobre a existência de uma suposta liminar concedida à ALL pela justiça, que determinaria a reintegração de posse da área a empresa, os ocupantes do Shalon 3 bloquearam uma das pistas do km 3,5 da Rodovia Jornalista Francisco Aguirre Proença (Campinas/Monte Mor). Na ocasião, eles solicitaram um encontro com o secretário de Habitação e foram atendidos na manhã seguinte, na sede da Cohab-Campinas.

Novo encontro

No segundo encontro, realizado na última terça-feira, Clélio Leme reapresentou os encaminhamentos acordados com as lideranças, no final de dezembro, e informou o grupo sobre as providências já encaminhadas pela Secretaria de Habitação.

A atualização do cadastro das famílias, principal compromisso assumido pela pasta, será realizada dentro de dois meses, a partir da nova lista entregue pelos líderes do Shalon 3. Uma equipe da Sehab visitará a área novamente, para checar a procedência da nova demanda, e os dados serão comparados ao primeiro levantamento realizado no local, em 2009, quando 300 famílias foram cadastradas.

O secretário informou aos participantes, ainda, sobre a realização de uma reunião entre as lideranças do Shalon 3 e representantes da América Latina Logística (ALL), marcada para a tarde desta quarta-feira, dia 4 de janeiro, intermediada pela Sehab.

Clélio Leme ressaltou aos ocupantes a necessidade de cumprimento das regras estabelecidas pelo MCMV, para que não haja injustiças. “Temos um cadastro de 45 mil famílias de baixa renda que precisam de moradias, na Cohab, além da prioridade de atender quem vive sob risco, que é o caso de vocês. Mas vamos cumprir as leis do Minha Casa, Minha Vida e priorizar o atendimento às famílias que ainda vivem aqui desde o cadastro inicial, realizado em 2009”, reafirmou.

Na avaliação da principal liderança do Parque Shalon 3, Andréia de Fátima Matias da Penha, que há dez anos vive no local, a situação das famílias já melhorou. “O secretário veio até aqui e isso é um bom sinal. Agora sentimos que não estamos esquecidos e que tudo está caminhando”, salientou.

localização da cohab campinas
webmail cohab campinas
Horário de atendimento ao público de segunda a sexta-feira:

SERVIÇOS DE COBRANÇA - (CCOB) - 08:00 às 16:30h

ORIENTAÇÕES LIQUIDAÇÕES E FUNDOS - (CLFU)- 08:00 às 16:00h

ORIENTAÇÃO REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA - (CSOC) - 08:00 às 14:00h

ORIENTAÇÕES (TRANSFERÊNCIA E COMERCIALIZAÇÃO) CADASTRO E ATUALIZAÇÃO - (CCOM e CSOC) - 08:00 às 16:00h

SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO CIDADÃO - (SIC) - TRIAGEM E INFORMAÇÕES GERAIS - ORIENTAÇÕES FUNDAP/SEHAB - 08:00 às 16:30h


Clicando aqui você terá informações detalhadas a respeito de todos atendimentos realizados pela Cohab.

Atendimento Web
Ouvidoria Cohab Campinas
Informações sobre concurso público
Portal da transparência
Acervo cultural
Acervo cultural