Notícias

Beneficiários do PMCMV ganham nova opção no mercado de trabalho

Semana do Trabalho oferece opções de geração de renda e até de microcrédito

Patrícia Xigliano e Edison Souza
03/10/2012

Organizada pela Coordenadoria de Ação Social da Companhia de Habitação Popular de Campinas (Cohab-Campinas) teve início nesta quarta-feira, 03 de outubro, no Residencial Porto Seguro, conhecido como Parque Campinas, a Semana do Trabalho, voltada aos beneficiários do Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV) que procuram ou já possuem alguma fonte de renda.

A iniciativa em promover incentivo, apoio e divulgação dos trabalhos realizados por moradores desses empreendimentos, partiu de reuniões realizadas entre as secretarias municipais de Habitação, Trabalho e Renda e o Conselho de Habitação, com apoio de outras entidades tais como a Casa do Empreendedor, SENAC, Caixa Econômica Federal, Centro Público de Apoio ao Trabalhador (CPAT), Banco Popular da Mulher e Serviços Técnicos Gerais (Setec).

De acordo com assistente social da Cohab-Campinas, Vera Couto, várias frentes poderão ser implantadas nos condomínios do PMCMV, tais como, feiras de artesanato, feira de talentos sempre com a proposta de qualificar e dar oportunidade às pessoas. “Acho que é uma grande oportunidade para que as pessoas procurem emprego e invistam nelas; nosso objetivo é facilitar o acesso delas à informação e às fontes geradoras de emprego e renda”, completou.

As atividades desse projeto serão realizadas nos residenciais Porto Seguro, Santa Lúcia, Jardim Bassoli e Sirius ao longo do mês de outubro e podem ser consideradas como uma extensão do Plano de Trabalho Técnico Social, já desenvolvido junto aos beneficiários do PMCMV.

Parceria  

Cada órgão ou entidade terá um papel fundamental no esquema de trabalho. A Caixa Econômica Federal, por exemplo, participa com o Programa de Microcrédito, que possibilita ao pequeno empreendedor investir no seu próprio negócio. A Gerente de Filial de Programas Sociais, Tânia Souza Barros, acredita na eficácia de se criar um evento para melhorar a geração de renda, “Essa iniciativa é fundamental para o desenvolvimento dos beneficiários do PMCMV”, comentou.

O CPAT também participa do evento realizando o cadastro de interessados em futuras vagas de emprego. Para o síndico do Residencial Porto Seguro, Silvano Eduardo de Aquino, os moradores precisam saber do potencial que eles têm. “A mobilização do pessoal para participar desse evento faz com que eles possam ver que podem dar um passo a mais na vida deles”, esclareceu.

A Semana do Trabalho também conta com o apoio dos moradores locais que apresentam seus negócios, como venda de produtos caseiros ou re-venda de cosméticos. A beneficiária Martinha Bezerra da Silva faz panos de pratos e tapetes de barbante para vender. Com a exposição de seu trabalho ela acredita que pode conseguir novos clientes. “Pouca gente sabe que eu vivo disso, então, espero que a partir de hoje todos conheçam e gostem do meu trabalho”, completou.

Programação

A Semana do Trabalho, que teve início hoje, no Residencial Porto Seguro, se estende até o final do mês nos empreendimentos do PMCMV relacionados a baixo:

Residencial Porto Seguro - salão social – 4 de outubro das 10 às 15h.

Residencial Santa Lúcia - salão social - 10 e 11 de outubro das 10 às 15h.

Residencial Jardim Bassoli - espaço da Cohab - dias 17,18 e 19 de outubro das 10 às 15h.

Residencial Sirius: C4 – salão social – 24 de outubro, das 10  às 15h. C5 – salão social – 25 de outubro, das 10 às 15h.


PTTS

Importante destacar que algumas propostas que já constavam do Plano de Trabalho Técnico Social (PTTS) cujo objetivo também é proporcionar às famílias oportunidades de capacitação profissional. Todos os beneficiários do PMCMV contam com apoio e orientação de assistentes sociais, nas fases pré e pós-ocupação dos imóveis. O trabalho faz parte do Plano de Trabalho Técnico Social (PTTS), através do qual as famílias recebem noções sobre a vida em condomínio, coleta seletiva de lixo, planejamento financeiro e sobre outras frentes.

À Caixa Econômica Federal cabe o financiamento e acompanhamento da execução dos trabalhos.  Já a Prefeitura, por meio da Cohab-Campinas, tem a função de elaborar o PTTS, disponibilizar profissionais para executar as ações e apresentar relatórios financeiros e de atividades à Caixa.

 

 

localização da cohab campinas
webmail cohab campinas
Horário de atendimento ao público de segunda a sexta-feira:

SERVIÇOS DE COBRANÇA - (CCOB) - 08:00 às 16:30h

ORIENTAÇÕES LIQUIDAÇÕES E FUNDOS - (CLFU)- 08:00 às 16:00h

ORIENTAÇÃO REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA - (CSOC) - 08:00 às 14:00h

ORIENTAÇÕES (TRANSFERÊNCIA E COMERCIALIZAÇÃO) CADASTRO E ATUALIZAÇÃO - (CCOM e CSOC) - 08:00 às 16:00h

SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO CIDADÃO - (SIC) - TRIAGEM E INFORMAÇÕES GERAIS - ORIENTAÇÕES FUNDAP/SEHAB - 08:00 às 16:30h


Clicando aqui você terá informações detalhadas a respeito de todos atendimentos realizados pela Cohab.

Atendimento Web
Ouvidoria Cohab Campinas
Informações sobre concurso público
Portal da transparência
Acervo cultural
Acervo cultural